Please login/register to apply for this job.
1 set 2018

Emprego em Mato Grosso – Mais de 5 mil vagas em julho

Empregos_Cuiabá Mato Grosso, Brazil

Descrição da Oferta

Emprego em Mato Grosso

Conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, Mato Grosso foi o maior gerador de empregos do Centro-Oeste em julho. Foram criados 5.186 vagas de emprego com carteira de trabalho assinada, a maior parte deles, ofertados pela agropecuária, indústria e construção civil.

Em julho, as empresas de Mato Grosso contratou 33.888 pessoas, mas demitiu 28.702, movimentação que resultou na criação das mais de 5 mil vagas. Mato Grosso do Sul ofertou 788, Goiás 4.118 e o Distrito Federal eliminou 181, sendo o único da região a demitir mais do que admitir.

Os números de julho pesaram positivamente no acumulado do Estado. De janeiro até o mês passado, foram criadas 28.229 novas vagas formais, sendo o melhor saldo dos primeiros sete meses do ano desde 2013. Naquele ano, o resultado foi de 31.129 novas vagas.

Os números apresentados ontem pelo Caged mostram que das cinco mais importantes atividades econômicas de Mato Grosso, todas – Indústria, Comércio, Serviços, Agropecuária e Construção Civil – fecharam o período com oferta de novos postos. O destaque do mês foram as 2.875 vagas criadas no campo, as 1.020 na indústria e outras 779 na construção civil.

Cuiabá foi o maior gerador de empregos de Mato Grosso, em julho, ao ofertar 556 novas vagas, seguido por Primavera do Leste com 385, Sinop com outras 244 e Lucas do Rio Verde com 205.

O estado que mais gerou empregos em julho foi São Paulo, com a abertura de 15,3 mil postos. Em seguida, aparece Minas Gerais, com geração positiva de 10,3 mil novos postos de trabalho. No Pará, foram gerados 3,5 mil empregos formais. O Rio Grande Sul (-2.657), Rio de Janeiro (-1.001) e Pernambuco (-111) foram estados que registraram mais demissões do que admissões ao longo do mês.

No Brasil

Em todo Brasil fechou o mês de julho com a criação de 47.319 postos no mercado de trabalho, o melhor desempenho para este mês desde 2012, ano em que foram abertos mais de 142,4 mil empregos com carteira assinada.

Ao todo, no mês foram abertas 1.219.187 vagas, enquanto o número de demissões foi de 1.171.868, revertendo o resultado negativo apurado em junho, quando foram fechados mais de 600 postos formais de trabalho.

De janeiro a julho, o saldo de admissões e demissões segue positivo, com a abertura de 448,2 mil novos postos. Se mantiver a tendência até o fim do ano, o Brasil terá interrompido uma sequência de três anos de queda, quando foram encerrados mais de 2,88 milhões de empregos formais, entre 2015 e 2017.

Job Categories: Emprego em Mato Grosso.

Ilimitado.

958 total de vistas, 2 hoje

Candidatar-me a esta Oferta